quarta-feira, 22 de outubro de 2008

Nº12: Vlado Bozinovski


  • Vlado Bozinovski.
  • Médio Centro.
  • Nasceu a 30 de Março de 1964 em Ohrid (Macedónia).
  • Títulos no Sporting: Nada a assinalar.
  • 7 Internacionalizações pela Austrália com 1 golo marcado.

Vlado Bozinovski foi um internacional australiano, nascido na Macedónia que representou o Sporting, durante uma época, sem sucesso. Como médio centro era possante, sem grande veia goleadora, mas tapando muito bem os espaços, o que lhe valeu as internacionalizações pela Austrália. Além da época em que jogou no Sporting, ainda representou, em Portugal, o Beira-Mar, Paços de Ferreira e Felgueiras, com relativo êxito, retirando-se do futebol em 2001.


Bozinovski nasceu na Macedónia e, a exemplo de muitos macedónios na altura, a sua família emigrou para a Austrália em busca de uma vida melhor, dando ao jovem Vlado a oportunidade de iniciar a sua carreira futebolística naquele país. A sua carreira de profissional iniciou-se em 1982 nos Hellas-Hakoah, fazendo 19 jogos e marcando 1 golo, com apenas 18 anos. Na época seguinte jogou 14 jogos e marcou 2 golos o que lhe valeu a transferência a meio da época para o South Melbourne onde marcou 1 golo em 13 jogos, em 2 anos.
Na época de 1986/87, foi contratado por uma equipa australiana que já não existe: o Footscray JUST. Naquela equipa ficou durante 3 temporadas, com registo muito bons. Na primeira fez 17 jogos e marcou 2 golos. A segunda época foi mais especial, não pelos 22 jogos e 1 golo, mas pela sua chamada à selecção australiana. Foi a 7 de Julho de 1988, no amigável frente ao Brasil (0-1), com Bozinovski a entrar aos 73m para o lugar de Kosmina. O seu único golo pela selecção foi a 14 de Julho do mesmo ano, no primeiro jogo a titular frente à Argentina (4-1), aos 80m.
Na sua última época ao serviço dos Footscray marcou 4 golos em 22 jogos e consegui a transferência para a Europa, mais especificamente para Portugal, para o Beira-Mar, onde chegou com o búlgaro Petrov, o português António Sousa e o egípcio Ghani, como principais reforços.
Nessa época, deu nas vistas ao marcar 2 golos em 32 jogos disputados, no 11º lugar da equipa no Campeonato Nacional, o que lhe valeu a transferência para o Sporting, onde chegou juntamente com o brasileiro Careca, eles que até se tinham defrontado na estreia de Vlado pela selecção.
O Sporting de Marinho Peres chegaria nessa época às meias-finais da Taça UEFA, mas Bozinovski não foi muito utilizado.

No Paços Ferreira 1994/95, na fila de cima é o 6º a contar da esquerda.

A sua estreia aconteceu na 1ª jornada, quando entrou aos 75m para o lugar de Douglas, no jogo contra o V. Guimarães (3-0). O primeiro jogo a titular foi a 29 de Setembro de 1990, na Amadora, frente ao Estrela na vitória do Sporting por 2-1, com golos de Cadete aos 24m e Leal aos 82m. Nesse dia, o Sporting alinhou com: Ivkovic; Carlos Xavier, Luisinho, Pedro Venâncio e Leal; Bozinovski, Oceano, Litos (Filipe Ramos, 61m) e Careca; Jorge Cadete e Fernando Gomes. Até ao final da época, Vlado apenas faria 11 jogos no Campeonato e 5 na Taça UEFA, marcando 1 golo. Esse golo ocorreu a 24 de Outubro de 1990, no jogo a contar para a 1ª Mão da 2ª Eliminatória, em Alvalade frente ao Timisoara da Roménia, onde alinhava o conhecido Ion Timofte. O Sporting que venceria por 7-0 alinhou com: Ivkovic, Carlos Xavier, Luisinho, Pedro Venâncio (Bozinovski, 79m) e Leal; Oceano, Litos, Careca e Filipe Ramos; Jorge Cadete (José Lima, 79m) e Fernando Gomes. Os golos seriam marcados por Jorge Cadete aos 32m, 49m e 63m, Fernando Gomes aos 36m e 60m, Careca aos 78m e Bozinovski aos 89m.
No final da época, Bozinovski receberia guia de marcha, regressando ao Beira-Mar e ajudando a equipa a classificar-se no 8º lugar do Campeonato, com 23 jogos disputados e 1 golo marcado. Na época de 1992/93, rumaria ao Ipswich onde apenas jogaria 9 jogos, ficando a equipa classificada no 16º lugar da Premier League.
Na temporada seguinte regressa a Portugal para jogar no Paços Ferreira, onde disputa 32 jogos e marca 2 golos, ainda assim insuficiente para a manutenção da equipa, que se quedou pelo 16º lugar da classificação, descendo à 2ª Divisão de Honra juntamente com Famalicão e Estoril. A época de 1994/95 foi difícil para o Paços e Bozinovski realizou 28 jogos.

Plantel do Felgueiras 1995/96, com Vlado na fila de cima, como 4º a contar da esquerda.


A temporada de 1995/96, marcou a estreia do Felgueiras no principal Campeonato português, sob o comando de Jorge Jesus. A equipa reforçou-se com alguns jogadores de bom nível, como Zé Carlos, Leal, Sérgio Conceição, Earl e Bozinovski, que jogaria em 20 encontros. Na primeira volta, a equipa surpreendeu ao colocar-se nos lugares do topo, mas uma segunda volta péssima fez a equipa baixar ao 16º lugar, sendo despromovida. Foi a última época de Bozinovski em Portugal. Viajou até à Turquia para jogar no Ankaraguçu e depois até Singapura onde permaneceu durante 5 épocas.

Equipa do Felgueiras com Bozinovski na fila de baixo, o primeiro a contar da esquerda. Reconhece-se facilmente o guarda-redes Zé Carlos, o defesa Leal e o excelente avançado Lewis que marcou 15 golos nessa época, metade do total de golos do Felgueiras.

Em Singapura, jogou 2 épocas no Tanjong Pagar, 2 épocas no Home United e a sua última época como jogador de futebol foi no Clementi Khalsa, onde realizou 19 encontros marcando 2 golos.Em 2001, ainda treinou o Clementi Khalsa como interino. Bozinovski é hoje empresário de jogadores de futebol, com especial incidência em África e na Oceânia.

Carreira

1982/83: Hellas-Hakoah

1983/84: Hellas-Hakoah
South Melbourne

1984/85: South Melbourne

1985/86: South Melbourne

1986/87: Footscray JUST

1987/88: Footscray JUST

1988/89: Footscray JUST

1989/90: Beira-Mar

1990/91: Sporting

1991/92: Beira-Mar

1992/93: Ipswich

1993/94: Paços Ferreira

1994/95: Paços Ferreira

1995/96: Felgueiras

1996/97: Ankaraguçu
Tanjong Pagar

1998: Tanjong Pagar

1999: Home United

2000: Home United

2001: Clementi Khalsa

Carreira no Sporting*

1990/91: 11 - / - - / 5 1

*Época: Campeonato (J; G)/ Taça (J;G)/ Europa (J;G)


Avaliação: Flop

4 comentários:

Rui Moço disse...

Nem me lembro dele...

AsKaViR disse...

Bem o vosso trabalho de investigação é fantástico pois eu lembro-me desse jogador mas nem me lembrava que também tinha jogado no Sporting! Realmente por vezes vamos buscar com cada um que nunca vos faltarão nomes para expôr aqui no vosso blog.

Um grande abraço e continuação de um grande trabalho!

Bruno V. disse...

Não me recordo minimamente dele em clube nenhum da sua passagem por Portugal. Isso é sintomático do que ele por cá fez, e nomeadamente no Sporting. Flop.

Anónimo disse...

Me lembro que ele fez um golo contra o Timisoara pela Taça UEFA na vitória de 7 - 0 em Alvalade